O câncer de mama é uma doença grave e que assusta muitas pacientes. O acesso às informações adequadas torna-se um importante aliado para o diagnóstico precoce da doença, o que aumenta significativamente as chances de cura e possibilidade de tratamentos menos invasivos .

Com isso, é importante que as mulheres tenham consciência que o nódulo não é o único sintoma do câncer de mama. Como outras alterações significativas no corpo, este tipo de câncer também vem acompanhado de uma série de sintomas que podem ajudar em um diagnostico precoce.

O nódulo, identificado por meio do autoexame, é um dos mais importantes para diagnosticar precocemente o câncer de mama. Entretanto, é importante atentar-se a outros indícios que o corpo pode apresentar, confira outros sintomas do câncer de mama

8 sintomas do câncer de mama

O diagnóstico precoce do câncer de mama é mais viável se a paciente tiver consciência sobre quais conjuntos de sintomas podem indicar a presença de um nódulo maligno. Veja quais são os principais indícios que podem ser observados.

1. Alteração do formato e tamanho dos seios

O crescimento de um nódulo vai afetar o tecido mamário, provocando a deformação dos tecidos próximos, com isso é possível observar uma protuberância na mama, como um inchaço, ou mesmo retração do tecido, alterando o tamanho.

As alterações também podem afetar o formato das mamas, fazendo com que ela fique afundada em uma área ou causando fibrose na região.

2. Dores, vermelhidão e calor

O câncer de mama também pode apresentar indicativos semelhantes ao de um processo inflamatório, fazendo com que as mamas fiquem avermelhadas, com dores atípicas, principalmente após o período menstrual, ou mesmo proporcionando uma sensação de calor na região, como uma febre localizada.

3. Pele com textura de casca de laranja

Um dos sintomas mais comuns do câncer de mama inflamatório é a alteração da textura da pele dos seios, fazendo com que ela fique irregular e semelhante ao de uma casca de laranja. Isso acontece quando ocorre a obstrução dos vasos da pele na área e pode ser também acompanhada de indícios como vermelhidão e inchaço das mamas.

4. Feridas ou crostas nos mamilos

Outro sintoma muito comum do câncer de mama é o surgimento de ulceras na pele, semelhantes a feridas ou crostas que podem surgir na área dos mamilos. Alterações desse tipo devem ser investigadas com urgência por um médico especialista.

5. Coceira frequente

Coceiras leves e ocasionais podem não significar nada, mas se a intensidade e a frequência aumentarem bastante pode ser um sintoma de câncer de mama. De acordo com especialistas, essa pode ser uma das formas de manifestação do tumor quando ele ainda não tiver penetrado profundamente nos tecidos.

6. Inversão dos mamilos

Em casos nos quais o tumor cresce atrás da aréola um dos sintomas do câncer de mama pode ser o mamilo ficar invertido, devido ao repuxamento da pele na região. Essa ocorrência é semelhante com uma mudança de formato ou afundamento, mas se limitando a região do mamilo.

7. Presença de secreções ou sangue

A ocorrência de secreções amareladas e sanguinolentas proporciona muita preocupação para pacientes que acreditam que esse sintoma é mais grave e indica um estágio avançado da doença, no entanto, essa impressão não é verdade.

Esse indício está relacionado com o crescimento do tumor dos ductos mamários, consistindo em um sinal de que o câncer está em estágio inicial. Caso seja identificado, o ginecologista ou mastologista deve ser procurado com urgência.

8. Nódulos e inchaço nas axilas

Quando o nódulo, inchaço e vermelhidão são identificados na axila a paciente deve ficar mais atentar e procurar ajuda médica imediatamente. Esse indício mostra que o câncer já está atingindo os gânglios linfáticos, sendo uma característica da doença em estágio avançado.

Caso identifique um ou mais sintomas o ideal é procurar o ginecologista de confiança com urgência para que possam ser conduzidos exames visando um diagnóstico correto da condição.