O que é Donovanose?


camisa: protecao para dsts

A Donovanose é uma infecção crônica, causada pela bactéria chamada klebsiella granulomatis que afeta a pele e as mucosas das regiões da genitais, virilha e do ânus, tanto de homens como de mulheres, causando úlceras e feridas na pele.

Principais sintomas da Donovanose

Os sintomas da donovanose geralmente aparecem entre 3 e 6 meses após a infecção, onde seus primeiros sinais incluem caroços e feridas vermelhas e de sangramento fácil. Após essa infecção, surge uma lesão na genitália que se desenvolve lentamente em forma de úlcera ou caroço vermelho que aos poucos vai danificando a pele à sua volta.

Formas de contágio da donovanose

O contágio acontece principalmente pelo contato direto com as feridas ou úlceras durante as relações sexuais com uma pessoa que já esteja infectada. Entretanto, sua transmissão ainda é o assunto controvertido. A ocorrência em crianças e pessoas sexualmente inativas sem causa aparente.

Donovanose Prevenção

Para se prevenir, além do uso de métodos contraceptivos para efitar uma gravidez indesejada, vale lembrar mais uma vez que o uso da camisinha é indispensável em qualquer relação, seja ela vaginal, oral ou anal. A prevenção eficaz, porém, só acontecerá se a área infectada estiver coberta ou protegida pela camisinha! Se houver contato com uma ferida aberta, a donovanose pode ser transmitida.

Tratamento para donovanose

A donovanose é tratada com uso de antibióticos. Após terminar o tratamento, é necessário retornar ao médico para certificar-se de que todas as feridas sararam e que a infecção está completamente curada. É necessário também evitar o contato sexual até que o tratamento tenha terminado e todos os sintomas tenham desaparecido.

E atenção! As pessoas que tiveram relação sexual nos últimos 60 dias com a pessoa infectada devem procurar um médico, fazer exames e o tratamento.

Fonte: Guia Brasileiro de Vigilância Epidemiológica 1998. 1998.
Ministério da Saúde. Fundação Nacional de Saúde

Deixe um comentário